quarta-feira, 4 de abril de 2018

ETNOGRAFIA

ETNOGRAFIA DA FREGUESIA

A Quintinha do Sardão
A quintinha do Sardão
É modesta e pequenina
É grande de coração
Como a fé que nos anima
Tem casas esquecidas
Batidas pela ventania
Mas sendo pobres esquecidas
Velhinhas e degradadas
Transparecem de alegria?...

Coro
Ó Sardão! És o berço onde nasci
Eu te quero com loucura
Porque sempre em ti vivi
És pequeno mas que importa
Se quem bate à tua porta
Encontra a santa fartura
Tem no meio a capelinha
Da sua veneração
Onde está a Santinha
Padroeira do Sardão
Stª. Bárbara bendita
Que afastais as trovoadas
Dai-nos a paz infinita
Que a pátria mãe necessita
E o pão às revoadas.
Sardão

Sardão todo tu és recordação
Dos tempos de menina
Que lá vão
Vivi e senti aqui as ilusões
Da mocidade e hoje
Que encontro a felicidade

Coro
Adeus que eu vou partir
Sardão
Em ti deixo ficar meu coração
Quero a ti voltar
Para encontrar minha alegria
Quero em ti viver até morrer um dia
Aqui neste sossego em findo
Tudo sorri tudo é tão belo
Tão puro e lindo
Por isso eu quero bem voltar
Para um dia encontrar
A tua paz e doce calma.

Cântico a Santa Bárbara
Santa Bárbara é a nossa padroeira
E no Sardão tem o seu altar
E nesta terra mil corações
Que são seu trono em cada lar.
Se o inimigo vier traiçoeiro
Para nos arrastar à tentação
Santa Bárbara como mãe nossa
Acolhe a todos em seu coração.
Cova da Iria lugar de repouso
De penitência e oração
E Santa Bárbara como mãe nossa
Acolhe a todos em seu coração.

quarta-feira, 28 de junho de 2017

segunda-feira, 29 de maio de 2017

segunda-feira, 5 de dezembro de 2016

terça-feira, 11 de outubro de 2016

segunda-feira, 10 de outubro de 2016